terça-feira, julho 25, 2017

O Centro de Convivio apresenta a Moura Morta.

O Centro Convívio preparou uma pequena apresentação para dar a conhecer a nossa aldeia e as suas potencialidades a estes grupos: Moura Morta escuteiros.pptx https://drive.google.com/file/d/0B6wNFMned9VOemd2VERtUldkNlk/view DRIVE.GOOGLE.COM

Etiquetas: ,

domingo, julho 23, 2017

Bombeiros de Poiares vão receber Equipa de Intervenção Permanente

Os Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Poiares vão poder contar, até final do corrente mês, com uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP). Estas estruturas constam de cinco operacionais, que estão em permanência nos corpos de bombeiros voluntários, para prestar qualquer tipo de socorro, sendo financiadas a 50% pelo autarquia e o restante pelo Estado. Atualmente existem 166 EIP, mas na última semana o Ministério da Administração Interna assinou protocolos para a criação de EIP em Vila Verde e Barreiro e, até ao final de julho, vão ser criadas as de Vila Nova de Poiares e Portel, sendo ainda intenção do executivo criar 20 EIP no próximo ano. Neste contexto, o ex-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) Duarte Caldeira defende a existência de, pelo menos, uma equipa de profissionais nos corpos de bombeiros voluntários, tendo em conta as exigências atuais do socorro. “Hoje já não há corpos de bombeiros voluntários que possam responder às exigências do socorro se não tiverem, no mínimo, uma equipa de bombeiros profissionais”, disse o investigador na área da proteção civil, adiantando que ainda não existem em todas as corporações estas equipas profissionais. “Temos 278 municípios no país e há 430 corpos de bombeiros. Ainda há um longo caminho a percorrer”, frisou o também presidente do Centro de Estudos e Intervenção em Proteção Civil (CEIPC) e coordenador do curso em Emergência e Proteção Civil da Universidade Nova de Lisboa. Para Duarte Caldeira, a criação destas equipas profissionais nos bombeiros voluntários passa também por uma disponibilidade dos municípios. “Os municípios são parte da solução e não do problema, nomeadamente dotar os corpos de bombeiros de meios humanos”, afirmou.

sexta-feira, julho 21, 2017

Descida de Canoas na Moura Morta.

Promovido pelo Executivo da Junta de Freguesia das Lavegadas realizar-se-à no próximo fim de semana a tradicional Descida da Freguesia. O tipo destas actividades com descida de canoagem e percurso pedestre que foi sendo praticado e desenvolvido pelo Centro de Convívio da Moura Morta ao longo dos últimos 8 anos, começa a ser já aproveitado por diversas entidades, incluindo diversos pelouros autárquicos e associações desportivas.

Etiquetas: ,

NOTICIA TRISTE - Faleceu em Aveiro Ana Henriques filha de Jaime Henriques.

Faleceu vitima de doença prolongada aos 47 anos, Ana Eduarda Henriques, a filha mais velha de Jaime Henriques e Helena. A Ana que passou ferias por vezes em casa dos seus avós na Moura Moura brincava com os miudos da sua idade sendo muito estimada por quem privou com ela.
Era neta do Dr. Antonino Henriques um mouramortino nascido na Moura Morta e que regressou à sua terra natal onde veio a falecer.

Dois Sóis: Outro Mundo - Um livro de um mouramortino de belo Horizonte no Brasil

Um livro lançado no Brasil de um mouramortino de Belo Horizonte.
Bernardo de Oliveira Chaves bisneto de Albano Martins Lomba da Casa da Lomba na Moura Morta.
É com orgulho que o Blogue da Moura Morta apresenta mais um escritor descendente de mouramortinos que emigraram pelos Brasis. Ainda há algum tempo apresentamos Jorge Coimbra da familia  ( Barbeiros ) que teve um dos seus ultimos livros lançado este ano na Feira do Livro.


Co-autor deste livro Bernardo é bisneto de Albano Henriques Martins Lomba, um ramo dos Mouramortinos em Belo Horizonte-MG. 🇵🇹🇧🇷
Família: 🌿Albano 👉 Alba 👉Albinha 👉Bernardo 🌿
Muitos parabéns ao Bernardo

Etiquetas: ,

sexta-feira, julho 07, 2017

Festa de São Pedro 2017

Festa do São Pedro, uma festa religiosa com mais de um século de tradição.
Esta que deve ser das poucas festas verdadeiramente religiosas; algumas famílias continuam ano após ano a visitar-nos e a fazer os famosos piqueniques.
O que impressiona é a dimensão da procissão tendo em conta que falamos de uma aldeia com 2 pessoas.
Esta festa tem muito significado para os cristãos de Penacova (Riba de baixo, Riba de Cima, Vila Nova e Rebordosa) que ocorrem sempre em número muito significativo.
A Festa é organizada pela comissão fabriqueira das Lavegadas e devo referir que alguns Mouramortinos tem um papel muito activo na realização desta festa em honra do São Pedro.